Vagalumes Insetos, Vagalumes

Vagalumes

Os vaga-lumes ou pirilampos são insetos coleópteros das famílias Elateridae, Fengodidae ou Lampyridae, notório por suas emissões luminosas. As larvas alimentam-se principalmente de vegetais e outros insetos menores. A espécie mais comum no Brasil é a Lampyris noctiluca, na qual apenas os machos são alados. Ao redor do mundo, há aproximadamente duas mil espécies de vaga-lume, das quais cerca de 500 podem ser encontradas no Brasil.

Os vaga-lumes são classificados em três tipos de famílias:

Os elaterídeos (Elateridae), também chamados salta-martins ou besouros tec-tec têm cor variante do castanho escuro ao marrom avermelhado e seu facho de luz é de quase um metro de diâmetro, sendo emitido de forma contínua, em uma tonalidade esverdeada.

Fengodídeos (Phengodidae), também chamados trenzinhos, bondinho eléctrico ou trem de ferro. Algumas espécies de fengodídeos emitem luz vermelha, na região da cabeça, e esverdeada no corpo. Outras emitem luz esverdeada em todo corpo. Os machos, alados, têm pontinhos luminosos em posição e número variáveis, todos no abdômen. Sabe-se que as larvas gostam de comer gongolos, o popular piolho-de-cobra. E são muito vorazes; sugam toda a parte mole do corpo do bicho, dispensando as partes duras. Emitem luz contínua e vivem no chão, à procura de suas presas.

Os lampirídeos (Lampyridae) variam muito de cor, do castanho-claro ou escuro ao castanho-amarelado ou avermelhado. As lanternas ficam no ventre e variam de tamanho e disposição. Emitem luz esverdeada intermitente durante as poucas horas do entardecer. Habitam matas, campos e cerrados, preferindo os lugares úmidos e alagadiços como os brejeiros.

Origem Da Sua Luz

Vagalumes

Este fenômeno se chama bioluminescência. O que acontece é que no abdome deste inseto há uma reação química entre duas substâncias presentes no corpo do vaga-lume, a luciferina (uma classe de pigmentos responsável pelas emissões luminosas) e o oxigênio.

O resultado desta reação é a oxi-luciferina, que é uma substância luminescente, resultando a aparição da luz dos vaga-lumes.

Outras curiosidades, é que as piscadas do vaga-lume além de espantar predadores e atrair algumas presas, é uma forma de atração sexual, para chamar atenção de seu parceiro ou parceira.

Vagalumes
0 votes, 0.00 avg. rating (0% score)

Leave a Reply